Dicas de lugares: Fração da Pizza

A Fração da Pizza, localizada em Pinheiros, é famosa pelas famosas pizzas na tábua e em pedaços. Há, inclusive, uma charmosa lareira para os dias frios. Dividida em três ambientes, a Fração da Pizza tem um espaço onde os clientes podem observar o preparo das pizzas. No salão ao lado, mesas de madeiras garimpadas tornam o ambiente despojado e aconchegante.

Durante os finais de semana, a casa funciona até às cinco da manhã, ideal para quem quer matar a fome depois da balada.

Facebook

www.fracaodapizza.com.br

Dicas de Lugares: Café Aurora

Situado no bairro do Bixiga, o Café Aurora possui dois andares com palcos distintos com música ao vivo. O local está na ativa desde 1988, reunindo amigos para curtir música ou até para um casal conversar.

A sua decoração é rústica, com piso de madeira no piso inferior. A casa tem mesas que o público consegue vê o palco tranquilamente. Seu funcionamento é de Sexta e Sábado a partir das 21h. Está localizado na Rua Treze de Maio, 112 – Bela Vista – São Paulo – SP.

Facebook

http://www.cafeaurora.com.br

Dica de Lugares: Wild Horse Music Bar

O Wild Horse Music Bar toca Música ao vivo com as melhores Bandas Cover de São Paulo. A casa funciona de Quinta a Domingo, a partir das 21h. O Bar, localizado na região de Moema, possui ambiente descontraído e o cardápio inclui sanduíches, molhos, entradas como saladas, porções e pratos individuais.

O local realiza reservas de mesa, mas é preciso solicitar antecipadamente por telefone.

Localizado na Alameda dos Pamaris, 54 – Indianópolis – São Paulo – SP

Facebook: http://www.facebook.com/WildHorseMusicBar

Dica de lugares: The Wall Café

Localizado no tradicional bairro do Bixiga, o The Wall Café faz no nome referência ao clássico álbum da banda de rock, Pink Floyd. A casa possui decoração com parede de tijolos decorada com propagandas antigas de cervejas e dois telões que exibem clipes. As noites a casa apresenta ao público as melhores bandas de rock de São Paulo, para embalar a noite do público com muitos sucessos e hits do momento.

Dica de lugares: The Clock Rock Bar

Localizado na região da Barra Funda, o The Clock Rock Bar é o lugar ideal para quem curte música dos anos 50 e 60. A casa também tem decoração inspirada nos Anos Dourados, com funcionários vestidos com roupas e adereços da época. Na programação, os melhores DJs e bandas tocando o melhor do rock.

O local também oferece aula de rockabilly, às Terças ou Sábados. Entre em contato: e-mail – contato@1941vintage.com.br
Telefone e whatsapp – 11 94488 1117

Está localizado na Rua Turiassú, 806 – Barra Funda – São Paulo – SP.

http://www.facebook.com/pages/The-Clock-Rock-Bar/114065412001151

www.theclock.com.br

Dica de lugares: Morrison Rock Bar

O Morrison Rock Bar, localizado na Vila Madalena, oferece ao público uma programação de quinta a sábado com muitos shows de rock. A casa possui três ambientes: o bar logo na entrada com balcão e mesas espalhadas; logo após, a pista no primeiro andar onde fica o palco que as bandas se apresentam e no segundo andar, um espaço com sofás e mesas para relaxar e uma visão exclusiva para o show.

Está localizado na Rua Inácio Pereira da Rocha, 362 – Vila Madalena – São Paulo – SP.

Facebook

www.morrison.com.br

Dica de lugares: Café Piu Piu

O Café Piu Piu, localizado no Bixiga, oferece música ao vivo ao público. A programação é toda voltada ao rock com Bandas que animam o ambiente.  Como parte da programação, entre um show e outro, a casa ainda recebe espetáculos de dança, shows de mágica e até música erudita.

A casa funciona de terça a domingo.  Está localizado na Rua Treze De Maio, 134 – Bixiga – São Paulo – SP.

www.cafepiupiu.com.br

Dica de lugares: A Lanterna

A Lanterna é uma das casas mais badaladas da Vila Madalena e possui vários ambientes que agradam a um público bem variado. Na pista, tem os DJs que mesclam variadas música. Além de, ter música ao vivo.

Para quem é aniversariante do mês, a pessoa ganha um passeio de limusine. A casa oferece Vips e Reserva de Mesa no camarote.

Localizado: Rua Fidalga, 531 – Vila Madalena – São Paulo – SP.

https://www.facebook.com/lanternabar/?ref=br_tf

Dica de lugares: She Rocks

A casa conta com decoração pelo arquiteto Górios Neto em parceria com Tito Sanchez que trouxeram clima intimista para o projeto. A She Rocks tem programação com bandas pop/rock e DJs para agitar a noite paulistana. O local tem camarotes personalizados e elegantes, com vários espelhos ao seu redor.

A She Rocks funciona de Segunda-feira á sábado, a partir das 23h. Está localizado na Rua Tabapuã, 1460 – Itaim Bibi – São Paulo – SP.

www.facebook.com/sherocks.sp?fref=ts

www.sherocks.com.br

Dica do Dia: Anaïs Nin – À flor da pele

O monólogo é encenado por Flávia Couto, que se inspirou nos diários íntimos e correspondências secretas da autora de “A Casa do Incesto” para retratar sua luta pela liberdade artística, sexual e emocional em meados da década de 1930.

Em um cenário que remete ao “quarto de palavras” da autora, o público ouve as confissões e mergulha nas aventuras que se passam ora na provinciana Louveciennes (cidade a 30 quilômetros de Paris), ora na capital francesa ameaçada pela Segunda Guerra Mundial, ora na agitada e libertina Nova Iorque.

Quem foi Anaïs Nin?

Filha de um compositor cubano e de uma cantora com ascendência cubana, francesa e dinamarquesa, Anaïs Nin nasceu na França, mas se mudou com a mãe para Nova Iorque logo que seus pais se separaram. A ausência do pai foi um dos principais motivos que a levaram, ainda adolescente, a escrever.  Ficou famosa pela publicação de seus diários íntimos, que narravam situações e temas polêmicos para a época, tais como as aventuras sexuais com amantes e o caso de incesto com seu pai. Foi oficialmente bígama, ao se casar em 1955 com Rupert Pole, sendo ainda esposa de Hugh Guiler. Por ser uma mulher livre e persistir firme na defesa pelo seu estilo pessoal de escrita e espaço como autora, foi considerada uma referência para movimentos emancipatórios femininos.

Onde: Oficina Cultural Oswald de Andrade

Quando: 19 de junho a 12 de julho – segundas, terças e quartas, às 20h

Quanto: Gratuito (retirada de ingressos uma hora antes)